Principios de movimento

Principios de movimento

TRÊS TIPOS DE FORMA

1. ELEVAÇÃO

Todo design de cabelo pode ser resumido em dois tipos de corte: reto ou em camadas. Se você não quiser que o cabelo fique reto, deve levantar os fios ou puxá-los para cima.’ Elevação é um movimento para cima e para baixo. Para elevar o cabelo, puxe uma mecha para cima sem remover o cabelo da sua posição de caimento natural. Depois que cortar o cabelo e soltá-lo, ele cairá no sentido vertical sem um movimento lateral. O resultado
A elevação cria camadas. Um corte de cabelo finalizado pode ter fios com um único comprimento ou fios em camadas. Para lembrar com facilidade do movimento de elevação, pense em um elevador. Ele se move de cima para baixo - não de um lado para o outro. Se você quiser que o cabelo volte para a sua posição de caimento natural depois do corte, a cabeça da cliente deve estar ereta. Se a cabeça estiver inclinada para a frente, o cabelo não estará na posição de caimento natural. Se você estiver fazendo um corte que precise que todo o cabelo seja elevado no sentido horizontal, certifique-se de que todas as seções sejam levantadas no mesmo ângulo para um look uniforme.

2. DIREÇÃO INVERSA

O movimento de direção inversa é de um lado para o outro. Se o cabelo é movido da sua posição de caimento natural com um movimento lateral, então ele está na direção inversa. Se você pegar uma mecha de trás da orelha e levá-la até o centro de trás da cabeça, esse movimento é lateral.
O resultado
Direção inversa cria comprimento e profundidade na direção oposta do cabelo. Se uma mecha de cabelo for puxada da frente para trás, os fios serão mais longos na frente. Da mesma forma, se uma mecha for puxada da parte de trás para a frente, o cabelo ficará mais longo na parte de trás.

3. ÂNGULOS DOS DEDOS

O movimento do ângulo dos dedos é para dentro e para fora. Os dedos determinam o ângulo em que o cabelo será cortado. Se você quiser ajustar o volume ou a profundidade do corte, precisa ajustar os dedos ou o ângulo dos dedos. Como usar ângulos dos dedos
Os ângulos dos dedos criam a posição do volume ou da profundidade em um corte. Vendo o ângulo dos dedos de frente, se você colocar os dedos na lateral da cabeça e incliná-los no sentido diagonal virados para DENTRO do queixo e para FORA do topo da cabeça, o volume ficará concentrado no topo. O que aconteceria se você mudasse o ângulo dos dedos? Neste caso, o sentido diagonal é invertido. Agora os dedos estão virados para FORA do queixo e para DENTRO no topo da cabeça. Assim, o volume se centrará na parte de baixo.

CONCLUSÃO

Mesmo que pensemos separadamente primeiro em elevação, depois em direção inversa e por último em ângulos dos dedos, eles não acontecem de forma independente — acontecem ao mesmo tempo. Você não eleva o cabelo, puxa-o para o lado na direção inversa e tenta mover os dedos em um ângulo ideal; você perderia o controle do cabelo e os resultados seriam imprevisíveis. Para obter um formato previsível e uma linha de graduação precisa, devemos aplicar todos os movimentos ao mesmo tempo."